Christian - O Leão "Domesticado"


Vale a pena ler...

Christian foi um leão encontrado em 1969
por dois australianos que moravam em Londres, John Rendall e Anthony 'Ace' Bourke na loja de departamentos Harrods.
Eles o encontraram, a venda, no departamento de animais exóticos e, comovidos com suas condições e futuro, decidiram comprá-lo. Rendall, Bourke e suas namoradas Jennifer Mary e Unity Jones cuidaram do leão até que ele tivesse um ano de idade. O tamanho cada vez maior de Christian e o custo para mantê-lo fizeram com que eles percebessem que não poderiam mantê-lo em Londres por muito tempo. A solução veio quando Bill Travers e Virginia McKenna, estrelas do filme Born Free, visitaram a loja de móveis de Rendall e Bourke, onde Christian passava seus dias. Travers e McKenna sugeriram, então, que eles pedissem a ajuda de George Adamson, um conservacionista Kenyano que, justamente com sua esposa Joy, foi o assunto de seu filme. Adamson concordou em ajudá-los na adaptação de Christian para a vida selvagem na Reserva Nacional de Kora.
Adamson gradualmente apresentou Christian a um leão mais velho('Boy') e, subsequentemente, para a filhote fêmea Katiana, na tentativa de formar o núcleo de um novo bando.
No entanto, alguns infortúnios assolaram este novo bando: Katiana foi, provavelmente, devorada por crocodilos enquanto bebia água. Outra fêmea foi morta por leões selvagens. Os eventos atingiram 'Boy' de forma tal que ele perdeu sua habilidade de socializar-se com outros leões e humanos. Ele acabou sendo baleado no coração por Adamson, depois de ferir um homem fatalmente. Desta forma, Christian acabou sendo o único sobrevivente do bando original. Adamson continuou seu trabalho, e, após um ano o bando estabeleceu-se na região de Kora, tendo Christian como o líder do bando iniciado por 'Boy'.Quando Rendall e Bourke foram informados por Adamson do exitoso resultado em 1971, eles viajaram para o Kenya para visitar Christian.
A visita foi filmada e transformou-se no documentário Christian, The Lion at World's End. De acordo com este documentário, Adamson alertou Rendall e Bourke para a possibilidade de Christian não recordar-se deles, mas o filme mostra um leão, inicialmente cauteloso, correndo ao encontro dos dois homens, envolvendo os braços em torno dos seus ombros e lambendo seus rostos. O documentário também mostra as fêmeas Mona e Lisa, e um filhote chamado Supercub saudando os dois homens, devido à influência de Christian. Rendall conta de um encontro final, ocorrida em 1974. Nesta época, Christian já estava a frente de seu próprio bando, tinha filhotes seus e era quase duas vezes maior do que no vídeo do encontro de 1971. Adamson avisou-os de que a viagem poderia ser em vão, porque ele não via o bando de Chirstian há 9 meses. Entretanto, eles descobriram, ao chegar em Kora, que Christian e seu bando haviam retornado para o complexo de Adamson no dia anterior a sua chegada.Rendall descreve a visita que ele, Bourke e George Adamson fizeram:
"Nos o chamamos, ele levantou e começou a caminhar em nossa direção, lentamente. Então, como se tivesse se convencido de que eramos nós mesmos, ele começou a correr ao nosso encontro, pulando sobre nós e nos abraçando, como ele costumava fazer, colocando suas patas sobre nossos ombros. "O reencontro durou até o dia seguinte, pela manhã, quando todos foram dormir. De acordo com Rendall, esta foi a última vez que alguém viu Christian.
Vejam o Vídeo, é emocionante este reecontro!
Fonte do Texto:  Youtube
Fonte do Vídeo: Youtube




Enviar para o Twitter

28 "Comentaram":

Wander Veroni on 17/9/09 7:29 PM disse...

Que história mais linda! Digna de um documentário mesmo. O vídeo é interessante, gostei!

Abraço

Jeferson Assis on 17/9/09 7:50 PM disse...

Kikinhah,

em algum lugar eu ví essa reportagem.

Enquanto o leão se aproximava dos seus "donos", pensei que ele iria atacá-los. Mas não.
O oposto ocorreu. Isso só foi possível, pois ele foi bem tratado e, consequentemente, no reencontro, ele foi manso e carinhoso.
Abraços.

Priscila on 17/9/09 8:02 PM disse...

É muito bom este video! A primeira vez que eu vi me emocionei.

Pri
http://belverede.blogspot.com/

Srta.Lua on 17/9/09 8:28 PM disse...

Deus Vontade de ter um leão, eu sempre gostei e sonho passar a mão em um! \o/

Habib Sarquis on 17/9/09 10:49 PM disse...

gostei do video. E tem gente que ainda maltrata esses animais.

Blog: Cultura Dinâmica - www.culturadinamica.wordpress.com

Naya Rangel on 17/9/09 10:54 PM disse...

Eu realmente achei que isso era impossível, nossa até me emocionei aqui ... Também pensei que o leão quando correu fosse atacar!
Isso só nos prova que o amor é mais forte que tudo ^^

Bjus!

blog do et on 17/9/09 11:05 PM disse...

lindo né ?
e pensar que voce as vezes tem um amigão de infância,que quando te vê na rua só dá um oi,
ou menos,só levanta a sobrancelha...
voce é vegana ?
beijo

Marii G. on 17/9/09 11:31 PM disse...

Eu ja havia visto o documentario junto com a historia, isso é pra gente se tocar que os velhos e verdadeiros amigos, nos nunca vamos esquecer... eu chorei quando vi o video da 1 vez...fiquei impressionada, como um animal poderia lembrar de quem criou ele, e nos as vezes esquecemos até de quem nasceu junto conosco?!
lindo demais!
o blog perfeito como sempre:D
Beijãao

[ http://nadaaverpontocom.blogspot.com/2009/09/realidade.html ]

gAng on 17/9/09 11:43 PM disse...

impressionante!
eu não lebro de nada dequando tinha 1 ano de idade... e um leao lembra... isso soh mostra quejunto comoutros fatores, não somos superiores aosanimais ^^

www.hysteria-project.blogspot.com

Casa do Baralho on 18/9/09 12:14 AM disse...

A história é interessante, e o video também,
muito legal mesmo.

Casa do Baralho
http://casa-do-baralho.blogspot.com/

Dellirium on 18/9/09 1:25 PM disse...

Aaaah, eu tinha visto esse vídeo! Da primeira vez que eu vi...quase chorei. É perfeito, prova que sabemos muito menos do que realmente imaginamos. Ou como diria Shakespeare, há muito mais entre o céu e a terra do que supõe nossa vã filosofia. ;)

www.youfoundmi.blogspot.com

Guilherme Angélico on 18/9/09 1:26 PM disse...

Puxa que história hein, o tamanho do Cristian realmente não dava mais para criar com esse tamanho e tudo mais, ótimo post bjs


http://webmaluko.blogspot.com/

Richard on 18/9/09 1:29 PM disse...

Já tiha ouvido falar! Mas não com tanta intensidade!
Parabéns, é uma história fascinante.

Guarda-Chuva Vermelho on 18/9/09 1:34 PM disse...

A natureza é algo que impressiona messsmoo.
Achei lindo o vídeo, me lembrou aquela que a moça abraça um leão na jaula, acho que já deves ter visto.
Engraçado é que o leão tem tanta força e ele 'abraça' com tanto carinho e sabe que não pode por força ali.


Beijos

Guarda-Chuva Vermelho

Fabricio bezerra da guia on 18/9/09 1:43 PM disse...

Eu sou contra criar esses animais em cativeiro,com algumas exceções

Tolerância Zero on 18/9/09 1:43 PM disse...

muito obrigado pelo post..... tem nem oq comentar! parabens!

gAng on 18/9/09 2:11 PM disse...

Animais tem um inteligencia incrível, não só na memória. Eles respeitam mais o outro e a natureza do que nós^^
Com a excessão dos animais que comem os daprópra espécie, acho que não posso falar que respeitamo próximo^^

www.hysteria-project.blogspot.com

Guilherme_Arconexo on 18/9/09 2:13 PM disse...

Wow, história muito interessante, se não tivesse o video seria dificil de acreditar ; )...Será que eles sentiram medo quando o leão veio correndo?
Bom Post ; )

Depois da uma olhada la no Nada a Ver, tem post novo =]

FabioZen on 18/9/09 2:32 PM disse...

Assisti ha algum tempo enviado por um amigo de infancia com a dedicatória "em homenagem a nossa velha e sincera amizade!"

Luan F. Bittencourt on 18/9/09 2:52 PM disse...

Bem legal isso! Eu tinha visto um de uma família brasielira que cria um leão e três tigres! Bem legal o blog!
Me desculpe por demorar a vir, é que deu um erro na internet e tive que resolver. ^^
se der:
http://furdunconosemaforo.blogspot.com/

Rafa on 18/9/09 2:56 PM disse...

Oi Kikinha, valeu a dica no meu blog, me expantei por ser de autoria do Paulo Coelho, o povo naum costuma gostar muito da literatura dele, eu particularmemte acho que ele tem títulos muito bons...

Poxa gostei muito desse post, que história linda, final nostalgico, gostei muito mesmo!

Vini e Carol on 18/9/09 3:30 PM disse...

Legal a história.
Só não gostei do fim. Muito triste rs.
Isso mostra como nós, seres humanos, nos apegamos a qualquer tipo de animal...
Beijos^^
PS: Depois passo o site de transalação de línguas pro seu blog, é que não achei ainda rs.

Jean Coelho on 18/9/09 3:45 PM disse...

É incrível como a natureza nos prega muitas peças! Quem iria imaginar que um leão poderia reconhecer as pessoas que cuidaram dele ainda filhote?!

lol on 18/9/09 4:45 PM disse...

prefiriria viver com um leao do q com meu irmao

mundo drogado

Cadinho RoCo on 18/9/09 5:05 PM disse...

Encontro maravilhoso
Cadinho RoCo

Caroline Mendes on 18/9/09 10:29 PM disse...

Nossa, eu não sabia dessa história! Muito interessante!

Fernando on 19/9/09 12:43 AM disse...

Muito legal! eu li o texto e vi o vídeo do reencontro, eu imagino como deve ser bom receber um abraço de um leão hahahaa

Leandro Ribeiro on 19/9/09 3:29 AM disse...

Olá, kikinhah, tenho sempre acompanhado o seu blog, mas, às vezes, me ocorria uma falta de criatividade para comentar. Desculpa. Este vídeo, a história,o leão, tudo; é linda, assim como todas as mensagens que você posta aqui. Gosto muito de animais, e esse documentário, as cenas, são de uma emoção bastante intensas. Parabéns pelo post.

Abraço.

Postar um comentário

Olá, Críticas e Sugestões serão bem
vindas desde que não haja ofensas.

Caso queira que eu retribua seu comentário,
ative seu perfil ou use o Opem ID.

Obrigada pela visita!

Volte sempre.

BjOs


kris* ^.^

 

Últimos Leitores

Premiações

Este Blog tem

Blog Ativo desde: 23/Junho/2009

Páginas On Line. Copyright 2009-2010